Falando sobre tudo

Falando sobre tudo

sábado, 1 de setembro de 2012

Poema de Vitoria ACosta VII





Você ainda esta em mim!



Tudo que queria agora é ver você!
Ver o seu sorriso que sisma em ficar na minha memória
Ver seu olhos pequenos me observando, como fazia no passado
Ver seu corpo reagindo, senti-lo como quando era meu

Tudo mudou em mim, tudo mudou ao meu redor,
Nada ficou parado, o tempo passou...
Você nunca deixou de existir em meus sonhos
Nem meu desejo por você consegui controlar
O passado não parou e o presente continua insistindo em passar

Você ainda existe em mim,
Seu cheiro ainda esta em mim,
Ainda sinto o seu calor e o seu furor
Nosso prazer agora distante em alguns momentos se fundem
Pelo ar, pelos lugares, pelo meu corpo e no meu pensamento

Você ainda esta em mim
Como no passado, você e eu num só momento
Num só sentimento, num só prazer
Você ainda esta em mim
E eu,....
Ah, eu nunca deixe de estar com você!
Nunca deixei de te amar
Nunca deixei de te sentir
Nunca deixei de ser seu

Agora, o tempo passa
Não tenho como controlar isso
Não tenho como faze-lo parar
Não tenho como faze-lo voltar
Então, volta pra mim
Volta o tempo
Volta e fica desta vez pelo menos um minuto
Deixa o passado voltar e ai poderei
Seguir com o futuro sem precisar
Te deixar

Vitoria ACosta


Um comentário:

Anônimo disse...

é... hj o dia está assim... se tem um tema, ou mesmo um título prá marcar o dia de hj, esse nome é SAUDADE... suadade de tudo q se passou ou do q se foi... não estou procurando explicações, ou mesmo justificativas... aconteceram pq tinha q ser dessa forma...

Postar um comentário